Através de uma criteriosa seleção de 12 peças da sua coleção privada, a Vacheron Constantin apresenta a exposição “The Anatomy of Beauty ®”, que ilustra uma conceção da arte da relojoaria cujo foco se centra na atenção dedicada aos detalhes. Uma oportunidade para apreciar a conjugação harmoniosa entre as artes decorativas e as técnicas de relojoaria numa exposição de relógios da Vacheron Constantin, que datam do século XIX e chegam até aos nossos dias. A exposição estará patente ao público até 11 de janeiro.

A inauguração da exposição acontece quando se inaugura também o VIP Lounge da Boutique, que, depois da abertura da boutique, vem oferecer aos clientes e potenciais clientes da Vacheron Constantin um espaço mais intimista, reservado, onde podem ser recebidos com todo o conforto, beneficiando de uma experiência plena no universo da Maison.

Sem um perfeito domínio técnico, a relojoaria não cumpriria a sua função principal com toda a fiabilidade e engenho necessários. No entanto, sem a criatividade dos artesãos, provavelmente nunca teria escapado aos limites das ciências mecânicas. Foi precisamente este encontro entre as artes decorativas e os conhecimentos puramente horológicos que fez da relojoaria uma actividade separada, bem como um campo de especialização único para Vacheron Constantin. Desde as suas origens, o Fabrico distingue-se com relógios em que o sentido de Beleza se exprime através de uma anatomia cuja estética só é igualada pela sua perfeita disposição técnica. Esta exposição intitulada “A Anatomia da Beleza®” retraça estas ligações inseparáveis que têm caracterizado consistentemente a abordagem de Vacheron Constantin à relojoaria.

A Europa do século XIX foi um período prolífico para a relojoaria. Os cronómetros marinhos dos mestres relojoeiros “endossados” pelas várias cortes reais tornaram-se instrumentos indispensáveis para a conquista dos mares. Mecanismos que apresentavam complicações astronómicas desciam dos campanários para serem alojados em caixas de relógios suficientemente pequenas para caberem num bolso de colete. A precisão dos relógios continuou a melhorar à medida que a metalurgia era refinada e novos tipos de fuga eram desenvolvidos. No entanto, tais avanços técnicos não podem ser compreendidos sem que o público os possa apreciar e, acima de tudo, querer possuir as criações mais realizadas.


Source link

ESCOLHER MOEDA

Advertisement

error: Content is protected !!
  • http://mediaserv33.live-streams.nl:8036/live
  • https://www.lifestyle.fm
  • LIFESTYLE FM